Merda de Sonhos

Todos nós sonhamos. Uns parecem literatura fantástica, quando outros assemelham-se mais com a realidade. Mas nem todos se lembram. Já eu lembro-me de todas as merdas de sonhos que tenho todas as noites, ou todos os dias. Sim, porque também costumo dormir uma boa noite de sono durante o dia. Ossos do ofício de uma assistente de bordo. Mas vamos por partes, porque há muitos tipos de sonhos. Tenho muitas vezes sonhos lúcidos, que são os meus preferidos, porque tenho a total noção dos acontecimentos e consigo até controlá-los. Hoje sonhei que estava a andar de bicicleta, comecei a pedalar e como não costumo andar de bicicleta percebi que estava a sonhar. Já que isto é um sonho, pensei, vou pedalar tão depressa que vou levantar voo. E voei tipo o miúdo do E.T. O curioso foi que a meio do voo, tive medo de mais tarde não conseguir aterrar bem e nesse momento deixei de conseguir voar e entrei em queda livre, e soube aí que tinha de acreditar que conseguia voar para voar, e voltei a ganhar sustentação. Acho que todos nós devemos tirar alguns significados deste sonho, lições até, ou até merda nenhuma. Depois há os sonhos pesadelos, que normalmente são as fobias, receios, inseguranças da vida real trazidas pelo subconsciente para o sonho. Há também os sonhos premonitórios. Sonhei que a minha amiga estava grávida e não é que acertei? Sonhei com o nascimento do meu sobrinho, que o meu irmão insistia que seria menina e foi rapaz. Só não sonho com a merda dos números do Totoloto. Depois há os sonhos repetitivos, que normalmente acontece a pessoas que sofreram algum trauma. Melhor não dizer merda nenhuma sobre isto. Já os sonhos criativos são comuns entre artistas e funcionam como inspiração. Os sonhos do Dali seriam certamente surrealistas, ou não fosse ele o grande pintor de sonhos. E depois há os sonhos sensuais, mas essa merda a mim não acontece. Eu sonho com crianças com caras envelhecidas, e paredes a convergirem até me esmagarem, elevadores que caem comigo lá dentro, sonho com desastres aéreos, náuticos, labirintos, perseguições, os dentes todos da minha boca a cair, afogamentos, perdas de membros, ataques de tubarões-buldogue, o cabelo a cair, enfim. Sonhos sensuais? Não. Eu só tenho sonhos de merda.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s