Merda de ser mulher

Desde quando ser mulher é uma coisa má? Não sei, mas é. Se reparar nos rapazes que jogam à bola na rua, uma coisa que costumava acontecer antes dos smart phones e do jogos online surgirem, vai ouvir frases como “Atiras a bola como uma menina”. Mas que merda é esta? Okay, é verdade que estudos feitos pela Universidade do Texas confirmam que a maioria dos rapazes são melhores a atirar bolas do que as raparigas, mas isso não é razão para dizermos merda o tempo todo sobre as mulheres. E quando ouvimos isso da boca de uma mulher? Merda ainda maior. É que rodamos as ancas e os ombros ao mesmo tempo, o que faz com que a bola não vá tão longe, mas e daí? Somos melhores noutras coisas e não andamos por aí a insultar os homens. Ainda que muitos homens, mais homens que mulheres, não saibam cozinhar não dizemos a uma mulher que cozinha mal que ela “cozinha como um homem.” E qual é o pior insulto para as mulheres? Puta, cabra, fácil. E a pior coisa que pode chamar a um homem? Maricas, puta ou menina. Pense nisto enquanto eu vou lavar a boca com sabão porque ultimamente tenho dito muita merda, desculpa avó. But my point is, sabão à parte, insultamos mulheres e homens da mesma maneira e ser Mulher é o insulto final. Mas será possível que ninguém tenha mães aqui? É provável que se elogie uma mulher que conduza bem dizendo que “ela conduz como um homem”, mas ainda mais provável será o homem que “conduz como uma mulher” sentir-se ofendido por isso. Porque é que ser homem é uma coisa boa e ser mulher uma coisa má? Merda de sociedade. Se um homem tem muitas parceiras sexuais, é um gajo experiente; se a mulher os tem é puta. Até algumas das mulheres pensam isso e cospem esses preconceitos cá para fora. Homens insultam as mulheres e as mulheres insultam as mulheres. Ninguém escolhe o seu género à nascença, mas se pudéssemos optar, eu escolheria ser homem. E isso está errado. A esta altura do campeonato com os números de violência contra as mulheres a aumentar, a loucura do controle da natalidade, e a disparidade salarial entre homens e mulheres que ocupam o mesmo cargo, obviamente ganhando as mulheres muito menos só porque não fazem xixi de pé, eu pergunto-me se precisamos mesmo dessa cereja em cima do bolo que é o de vermos o nosso género a ser usado como insulto? Se é mãe e está em casa com os filhos, então é um ser inútil e está a viver às custas do seu marido, sua cabra. Se é mãe e tem uma carreira, então obviamente não é uma boa mãe, sua cabra. Presa por ter cão e por não ter. E as pessoas estranham porque, em geral, os homens parecem mais confortáveis na sua pele, com o seu peso e sentem menos pressão para serem magros, do que as mulheres. Uma barriga proeminente num corpo masculino é sinal de sucesso, é a tal “barriguinha de sucesso”, enquanto que uma barriga no corpo de uma mulher é apenas gordura, não há cá sucesso nenhum para ela, gorda! Também é por isso que a anorexia nervosa é mais prevalente entre adolescentes do sexo feminino do que do sexo masculino. O mundo está infestado de modelos nas revistas e na TV, fotos nuas de mulheres com corpos perfeitos por todo o lado. Eu estou com excesso de um quilo, e tenho menos peito do que aquela loira do anúncio cujo peito foi aumentado pelo Pedro, o gajo do Photoshop. E por causa disto tudo, algumas mulheres maltratam-se a elas mesmas para ficarem finas e elegantes como as mulheres das publicidades. Mas nem toda a gente pode ser a Barbie, que by the way hoje já tem 60 anos e ainda é bela e fina. E porque? Porque não é real: é uma merda de uma boneca. Ser mulher é difícil e devia ser elogiado; não insultado. A próxima vez que ouvir uma amiga fazer um comentário pejorativo sobre as mulheres, direta ou indiretamente, diga-lhe por favor para ler este texto para eu lhe dar uma palavrinha. É que eu corro como uma mulher, choro como uma mulher, conduzo como uma mulher, trabalho como uma mulher, e luto como uma mulher. E isso deve significar apenas uma coisa: que eu sou uma mulher. 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s